05 de maio de 2017 17:00

Morre no Rio o sambista Almir Guineto

O fundador do Fundo de Quintal tinha 70 anos

Por Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Morreu nesta sexta-feira (5) o sambista Almir Guineto, aos 70 anos, no Rio de Janeiro. O cantor estava internado no Hospital Clementino Fraga, na Ilha do Fundão, e faleceu por causa de complicações cardíacas e insuficiência renal.

“Comunicamos com pesar o falecimento do sambista Almir Guineto, na manhã desta sexta-feira (5), no Rio de Janeiro, em decorrência de complicações trazidas por problemas renais crônicos e diabetes. A família do cantor agradece pelas orações e o carinho de todos os fãs e admiradores. As informações sobre o velório e o sepultamento serão divulgadas em breve”, diz o comunicado no Facebook do artista.

Segundo a assessoria, ele sofreu uma parada cardíaca na última quinta-feira, foi reanimado e respirava com ajuda de aparelhos.

Os comentários para este conteúdo estão encerrados.