18 de julho de 2014 16:48

Copa no estádio é novidade para 92% dos brasileiros

43,5% já viajaram para acompanhar o seu time ou estão habituados a visitar estádios, diz estudo

Por Edvaldo Júnior

A Copa do Mundo foi uma experiência inédita para a maior parte dos torcedores brasileiros. De acordo com uma pesquisa realizada pelo Ministério do Turismo, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, nove em cada dez brasileiros que tiveram a oportunidade de assistir aos jogos do Mundial nos estádios, o fizeram pela primeira vez.

A paixão do torcedor brasileiro por futebol, no entanto, não é novidade – e apesar de os turistas entrevistados não terem experiência em Mundiais, 43,5% já viajaram para acompanhar o seu time ou estão habituados a visitar estádios, revela o estudo. No total, 3.056.397 pessoas se movimentaram pelo país durante o evento.
Além disso, 34,7% deles costumam assistir aos jogos de seus clubes esportivos pela televisão. A estimativa do Ministério do Turismo é que mais de 3,6 bilhões de pessoas em todo o mundo tenham acompanhado o campeonato pela TV, pelo celular ou por outro dispositivo móvel que receba sinais de TV.

A maior parte dos torcedores da Copa (74,7%) organizou a viagem por conta própria e viajou acompanhado, seja por amigos (24,4%) ou familiares (44%). Eles também compraram os ingressos (80,4%) por meio do site da FIFA.

O turista brasileiro da Copa é homem (76,2%) e jovem: os dois grupos mais representativos têm entre 25 a 34 anos (40,3%) e 35 a 44 anos (26,2%). O grau de instrução também é elevado: a maioria tem ensino superior completo (55,3%) ou especialização (17,1%). A renda familiar também é alta. Os dois maiores grupos ganham entre R$ 3.621 e R$ 7.240 (28,6%) e R$ 7.241 a R$ 10.000 (16,8%).

A torcida brasileira foi maioria nos estádios, segundo a FIFA. A maior parte dos ingressos vendidos (62%) foi a torcedores brasileiros e uma parcela menor (38%) a estrangeiros.

A pesquisa do MTur foi realizada com 6.038 brasileiros nas proximidades dos estádios, aeroportos e atrativos turísticos, além de rodoviárias e fanfest. A maioria dos entrevistados é homem (76,2%), tem ensino superior completo (55,3%), idade entre 25 a 34 anos (40,3%) e renda familiar (28,6%) que oscila entre R$ 3.621 e R$ 7.240. O maior grupo foi de paulistas, com 858.825 viajantes.

Fonte: MTur

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*