26 de março de 2014 18:00

Edilson é preso por não pagar pensão alimentícia

Ex-jogador da Seleção Brasileira permanecerá detido e terá um prazo de 60 dias para quitar a dívida

Por Redação

O ex-jogador da Seleção Brasileira Edilson foi preso na tarde desta quarta-feira, 26, em Salvador, por atraso no pagamento de pensão alimentícia.
A prisão, determinada pela 9ª Vara da Família da capital baiana desde dezembro de 2013, foi efetuada quando Edilson passava pela avenida Anita Garibaldi, durante uma operação da equipe de Investigação e Busca da Polícia Interestadual (Polinter).

Segundo a delegada, Neide Barreto, responsável pelo caso, Edilson assinou a cópia do mandado de prisão que recebeu e entrou em contato com os advogados. O ex-atacante está preso em uma cela com outras duas pessoas.

Ainda conforme a delegada, ele permanecerá preso e terá um prazo de 60 dias para quitar a dívida.

Em quase 20 anos de carreira, Edilson defendeu clubes como Corinthians, Flamengo, Cruzeiro, Vasco, Vitória e Bahia, além da seleção brasileira. Ele estava no grupo pentacampeão mundial, em 2002, no Japão.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*