04 de setembro de 2013 10:29

Dispositivo usa sensores para monitorar saúde de crianças

Equipe de alunos de universidade americana pretende lançar produto

Por Redação

meia

 

Uma equipe estudantil da Universidade Brigham Young (EUA) desenvolveu um sistema de monitoramento para bebês, a Owlet Baby Monitor (Pequena coruja monitora de bebês), que funciona como uma “meia inteligente” monitorando a saúde de bebês com sensores embutidos que medem a frequência cardíaca, o oxigênio, o sono e a temperatura do bebê. Além de alertar sobre possíveis problemas enfrentados que possam acontecer quando eles estão de bruços, como quando sufocam ou engasgam com vômito.

O dispositivo emite informações em formato de gráficos com todas as informações da criança através de aplicativo ‘Iphone Owlet’, que é capaz de rastrear a saúde do bebê até em longas distâncias. O dispositivo já foi testado em 30 casas diferentes durante cerca de 200 horas e obteve bons resultados.

Segundo os jovens cientistas, a tecnologia pode reduzir o número de casos da síndrome da morte súbita infantil. “Há muitas coisas que podemos fazer com os dados que estamos coletando – me dá arrepios quando penso sobre isso”, revelou ao portal Co.Exist Jordan Monroe, um dos alunos por trás do projeto.

Para angariar fundos e conseguir desenvolver o dispositivo em larga escala, os alunos fizeram um site colaborativo para o produto. A meta dos jovens é conseguir 100 mil dólares.

Para o especialista em saúde infantil, Stoddard MD, o produto é seguro. “O Owlet, na minha opinião, é uma nova maneira de fornecer informações precisas e úteis para os bebês em sua saturação de oxigênio, por exemplo”, defende.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*