20 de outubro de 2017 15:00

Estudante atira contra colegas em escola de Goiânia

Ataque deixou dois estudantes mortos e quatro feridos

Por Redação

Dois estudantes do Colégio Goyases, em Goiânia, morreram e outros quatro ficaram feridos após um aluno de 14 anos atirar contra os colegas nesta sexta-feira (20). O crime ocorreu às 11h50 no Conjunto Riviera, bairro de classe média.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Segundo relatos de testemunhas, o adolescente, que cursa o 8º ano e é filho de policiais militares, estava dentro da sala de aula. No intervalo, tirou da mochila a arma, uma pistola .40, que pegou da mãe em casa, e efetuou os disparos. Em seguida, quando ele se preparava para recarregar o revólver, foi contido por alunos e professores.

Os estudantes João Vitor Gomes e João Pedro Calembo, de 12 e 13 anos, morreram no local. Já outros quatro alunos, sendo três meninas e um menino, ficaram feridos e foram socorridos.

o delegado Luiz Gonzaga Júnior informou ao G1 que a tragédia poderia ser ainda maior se uma coordenadora não interviesse, pois o atirador tinha mais munição.

“Ele ia matar todo mundo. Levou dois carregadores para a escola. Descarregou o primeiro, carregou o segundo, deu um tiro, mas foi abordado pela coordenadora. Ele pensou até em se matar, apontou a arma para a cabeça, mas ela o convenceu a travar a arma”, disse.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*