01 de dezembro de 2017 09:28

Polícia do Rio prende membros de torcidas organizadas

Investigações identificaram ligações promíscuas entre dirigentes e as torcidas

Por Redação

A polícia do Rio de Janeiro prendeu, nesta sexta-feira (1), três líderes de torcidas organizadas de times de futebol. A operação conta com participação de agentes da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), do Ministério Público e do Juizado Especial do Torcedor.

Foram presos Manuel de Oliveira Menezes, presidente da Young Flu, Luiz Carlos Torres Júnior, o Fila, vice-presidente da Young Flu, e Ricardo Alexandre Alves, o Pará, presidente da Força Flu.

Entre os locais que onde são cumpridos os mandados estão os estádios do Engenhão, São Januário, Maracanã e Laranjeiras.

Segundo a polícia, líderes das torcidas organizadas dos times do Rio ganhavam ingressos, que eram repassados para cambistas. Estes, posteriormente, vendiam as entradas por um valor superior ao cobrado em bilheteria.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*