19 de janeiro de 2017 14:10

Presos de Alcaçuz voltam a entrar em confronto

Já é a quinta vez que os detentos sobem nos telhados

Por Redação

O clima voltou a ficar tenso nesta quinta-feira (19) na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Natal (RN). Já é a quinta vez que os detentos voltam a subir nos telhados dos pavilhões e a se espalhar pelo pátio do estabelecimento. De sábado para domingo, a unidade registou uma rebelião que deixou pelo menos 26 mortos.

Desde terça-feira (17), a prisão virou cenário de guerra. As duas facções estão divididas no espaço que liga os pavilhões. Do lado externo dos muros, policiais militares e agentes penitenciários tentam retomar o controle da situação e evitar uma nova chacina.

Pedras, barras de ferro e vigas de madeira são arremessadas de um lado a outro. Os policiais revidam com balas de borracha e bombas de gás lacrimogêneo.

A Secretaria de Segurança Pública e Defesa do Rio Grande do Norte (Sesed) tem mantido contato com lideranças do PCC e do Sindicato do RN para tentar retomar nesta semana o controle da penitenciária.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*