24 de março de 2017 13:20

Procurador e promotor são baleados no RN

Servidor que cometeu crime está sendo procurado

Por Redação
Foto: MP/Divulgação
Foto: MP/Divulgação

O procurador-geral adjunto do Rio Grande do Norte, Jovino Sobrinho, e o promotor de Justiça, Wendell Beetoven, foram baleados nesta sexta-feira (24) na sede do Ministério Público do Estado.

A Polícia Militar informou que o crime foi cometido pelo servidor Guilherme Wanderley, que invadiu uma reunião e efetuou os disparos. Logo em seguida, o suspeito fugiu em um carro e é procurado pela polícia.

Segundo o MP, o procurador adjunto foi atingido duas vezes no abdômen e socorrido para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho. Já o promotor Wendell Beetoven, que foi baleado nas costas, recebeu os primeiros atendimentos ainda no local, mas também já foi levado para o hospital.

O Ministério Público e a Polícia Militar não sabem explicar o que teria motivado o atentado.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*