07 de fevereiro de 2017 09:09

Ruas permanecem vazias na Grande Vitória

Ao menos 250 integrantes das Forças Armadas estão no estado

Por Redação

Sem serviço de ônibus e com a Polícia Militar (PM) em greve, as ruas da Grande Vitória e outras cidades do Espírito Santo permanecem vazias, o comércio e escolas fechados nesta terça-feira (7). Os ônibus também não circulam nos 7 municípios da região metropolitana da capital capixaba.

Ao menos 250 integrantes das Forças Armadas estão no estado, mas a expectativa é de que mais 1.000 cheguem, ainda hoje, segundo o secretário de Segurança Pública capixaba, André Garcia. “Estamos garantindo a segurança para que a vida volte ao normal”, disse, qualificando a suspensão do serviço de policiamento como “um movimento irresponsável”.

Os PMs reivindicam aumento nos salários, pagamento de benefícios e adicionais e criticam as más condições de trabalho. Como não podem paralisar as atividades, as famílias dificultam a saída de viaturas como forma de protesto.

Segundo o Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo (Sindipol), foram registradas 65 mortes violentas no período. Ônibus foram incendiados e há relatos de arrastões e assaltos.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*