22 de fevereiro de 2017 08:00

Cabral vira réu pela quinta vez na Lava Jato

Em depoimento, ele admitiu ter usado helicóptero do governo para viagem particular

Por Redação

O ex-governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral, se tornou réu pela quinta vez nessa terça-feira (21) e vai responder por 332 crimes de lavagem de dinheiro. O juiz da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, Marcelo Bretas, aceitou a denúncia.

Dois assessores de Cabral também viraram réus: Carlos Miranda, apontado como seu operador financeiro, e Ary Filho, o Arizinho, funcionário público. Em depoimento nessa terça, Cabral admitiu ter usado helicóptero do governo para viagem particular.

O ex-governador está preso desde novembro do ano passado.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*