12 de abril de 2017 08:21

Citações da Odebrecht contra FHC, Lula e Dilma vão para primeira instância

Pedido foi feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR)

Por Redação

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, determinou que as citações de ex-executivos da Odebrecht aos ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff sejam enviadas para a primeira instância da Justiça. Pedido foi feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR) pelo fato de os acusados não terem mais foro privilegiado.

Segundo delação premiada de Emílio Odebrecht, um dos proprietários da empreiteira, a empresa teria feito o pagamento de “vantagens indevidas e não contabilizadas” para as campanhas de Fernando Henrique Cardoso em 1993 e 1997. Com a decisão do Supremo, FHC deverá responder às acusações na Justiça em São Paulo.

As acusações contra o ex-presidente Lula foram enviadas para a Justiça no Paraná. Nos depoimentos, os colaboradores ligados à Odebrecht citaram supostas tratativas com Lula para viabilizar politicamente a edição de uma medida provisória para evitar a intervenção do Ministério Público nos acordos de leniência assinados com empresas na Lava Jato.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*