13 de janeiro de 2017 09:53

Colômbia prende ex-vice-ministro

García Morales é acusado de ter recebido US$ 6,5 milhões da empreiteira brasileira Odebrecht

Por Redação

O ex-vice-ministro dos Transportes da Colômbia, Gabriel García Morales, foi preso nessa quinta-feira (12) sob acusação de ter recebido US$ 6,5 milhões da empreiteira brasileira Odebrecht em um esquema de corrupção relacionada a uma obra no país em 2009.

Com isso, Morales se torna o primeiro político de alto escalão do país envolvendo a Odebrecht no Brasil e no exterior nos últimos 15 anos.

Na Colômbia, a Odebrecht teria pago cerca de US$ 11 milhões em propinas a funcionários do governo para conseguir contratos de construção civil entre 2009 e 2014.

O ex-vice-ministro deve ser denunciado por corrupção passiva, enriquecimento ilícito e prevaricação.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*