23 de agosto de 2013 14:54

FHC entra em jogo para separar briga de Serra e Aécio

O ex-presidente vai se reunir com cada um dos políticos para evitar confusões

Por Leonardo Simões

A disputa interna dentro do PSDB nacional entre o senador Aécio Neves e o ex-governador de São Paulo José Serra obrigou o grão-mestre tucano, Fernando Henrique Cardoso, intervir.

Sob o estigma de bombeiro, ele reunirá hoje com Aécio, em São Paulo, e pretende se encontrar com o ex-governador  na próxima semana.

FHC já diagnosticou o foco da briga, e concluiu que não há clima para a escolha “vertical” de um nome para disputar a Presidência em 2014, apesar de Aécio ter maioria.

“Acho natural que, havendo mais de um candidato, o PSDB encontre uma alternativa para a escolha que não seja apenas a indicação pela Executiva”, disse o ex-presidente

Para Fernando Henrique, a briga interna pode favorecer o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, que flutua sobre qualquer problema, seja no governo, seja na oposição.

Aécio Neves deve seguir o conselho de FHC, e por isso pede “sangue frio”. Para ele, a migração de Serra para o PPS, por exemplo, pode ser decisiva.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*