30 de janeiro de 2017 17:52

Governo central fecha 2016 com déficit primário de R$154,255 bi

O rombo ficou dentro da meta oficial para o ano, diz Tesouro

Por Redação

O Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) fechou 2016 com déficit primário de R$ 154,255 bilhões, o pior já registrado pelo país.

Somente em dezembro, o Governo Central registrou déficit de R$ 60,124 bilhões. O resultado é o segundo pior para o mês, perdendo apenas para dezembro de 2015 (R$ 60,633 bilhões). Em 2015, no entanto, o déficit havia sido inflado pelo reconhecimento de passivos do Tesouro com bancos oficiais e o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

O resultado negativo ficou dentro da meta oficial, com saldo de R$ 170,5 bilhões para o ano, com receitas extraordinárias de mais de R$ 45 bilhões.

A deterioração das contas públicas no ano passado ainda foi resultado da crise econômica que tem reduzido a arrecadação nos últimos anos. Em 2016, as receitas líquidas do Governo Central caíram 4,1% descontando a inflação oficial pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). As despesas totais caíram, mas em ritmo menor: 1,2% também descontado o IPCA.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*