25 de novembro de 2016 15:51

Justiça bloqueia R$ 1 bi de Cabral e de suspeitos

Decisão, em caráter liminar, atende a um pedido do Ministério Público

Por Redação

A Justiça do Rio de Janeiro bloqueou mais de R$ 1 bilhão do ex-governador Sérgio Cabral, da empresa Michelin, e de outras cinco pessoas.

A decisão, em caráter liminar, atende a um pedido do Ministério Público, que denunciou o ex-governador e os outros réus pelos crimes de danos ao erário e improbidade administrativa.

O pedido foi feito com base em uma ação popular em outubro, referente à concessão de isenção fiscal à Michelin. No começo do mês, o ex-governador Sérgio Cabral e a empresa Michelin foram condenados em segunda instância a devolver ao Estado do Rio de Janeiro os valores do ICMS que deixaram de ser pagos por causa dessa concessão de benefícios fiscais.

Segundo o Ministério Público, a Michelin foi beneficiada em mais de R$ 1 bilhão em impostos para abrir a sua fábrica em Resende, no sul do Rio de Janeiro. Por isso, o bloqueio determinado do mesmo valor.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*