07 de agosto de 2017 08:20

Operação no Rio não foi espetacular, diz ministro

Para Jungmann, foi “razoável” o que se obteve com a ação

Por Redação

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou nesse domingo (6) que a megaoperação contra o roubo de cargas deflagrada no último sábado (5), no Rio, não teve um “resultado espetacular”.

Para Jungmann, foi “razoável” o que se obteve com a ação que prendeu 14 pessoas e apreendeu apenas três pistolas, na região de favelas do Complexo do Lins. A segunda fase da Operação Rio Quer Segurança e Paz mobilizou cerca de 5 mil agentes das Forças Armadas e das polícias Federal, Militar e Civil, além da Força Nacional de Segurança, e usou 71 blindados e outros veículos e até helicópteros.

“Não foi um resultado espetacular. Foi um resultado que eu considero razoável. Agora, existe uma coisa que se chama curva de aprendizagem. O que é importante é que nós vamos estar melhorando a cada operação, de forma que os resultados vão aparecendo com o tempo. Nós vamos construindo, cada vez mais, uma capacidade de inteligência, operacional e integrada. Fica evidente para a população do Rio que vocês não estão mais sós, nós estamos aqui”, disse.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*