23 de maio de 2017 08:53

PF prende assessor de Temer e ex-governadores do DF

Operação investiga reforma do estádio Mané Garrincha

Por Redação

A Polícia Federal (PF) cumpre nesta terça-feira (23) mandados de prisão contra dois ex-governadores e um ex-vice-governador do Distrito Federal. Os alvos  da operação, denominada “Panatenaico”, são José Roberto Arruda, Agnelo Queiroz e Tadeu Filippeli, assessor especial do presidente Michel Temer.

Outras sete pessoas também têm prisão temporária pedida. Há ainda três mandados de condução coercitiva. Entre os alvos estão agentes e ex-agentes públicos, executivos de construtoras e operadores de propina.

A ação deflagrada pela PF teria como base uma delação premiada de executivos da Andrade Gutierrez. A empreiteira estava envolvida na reforma do estádio Mané Garrincha, sede de Brasília da Copa do Mundo de 2014 e dos Jogos Olímpicos de 2016.

Segundo a PF, “a hipótese investigada é que agentes públicos, com a intermediação de operadores de propinas, tenham realizado conluios e assim simulado procedimentos previstos em edital de licitação”.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*