08 de junho de 2017 08:16

Polícia Civil faz ação contra corrupção e lavagem de dinheiro em Furnas

Operação tem como base a delação premiada de Delcídio do Amaral

Por Redação

A Polícia Civil do Rio cumpre nesta quinta-feira (8) 33 mandados de busca e apreensão para investigar crimes de corrupção e lavagem de dinheiro na empresa de energia Furnas, subsidiária da estatal Eletrobras.

A operação, denominada Barão Gatuno, tem como base a delação premiada do ex-senador Delcídio do Amaral, durante as investigações da Operação Lava Jato.

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela Justiça estadual e estão sendo cumpridos pela Delegacia Fazendária, responsável pela investigação do esquema, com o apoio de 15 delegacias e da Coordenadoria de Combate à Corrupção do Laboratório de Tecnologia e Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil do Rio.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*