16 de março de 2017 07:53

Sexto ministro e nove parlamentares integram lista de Janot

Procurador-geral Rodrigo Janot enviou ao STF 83 pedidos de abertura de inquérito

Por Redação

A lista de políticos enviada ao Supremo Tribunal Federal (STF) pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, com 83 pedidos de abertura de inquérito sobre citados na delação de ex-diretores da Odebrech, continua a ter nomes revelados.

Na noite dessa quarta-feira (15), o sexto integrante da equipe de ministro de Michel Temer foi incluído, informou o “Jornal Nacional”.

Segundo a reportagem, Marcos Pereira (PRB-RJ), da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, também estaria entre os citados. Na terça-feira (14), já haviam sido confirmados Eliseu Padilha (Casa Civil), Moreira Franco (Secretaria-Geral), Gilberto Kassab (Comunicações), Aloysio Nunes (Relações Exteriores) e Bruno Araújo (Cidades).

Entre os senadores, Lindbergh Farias (PT-RJ), Jorge Viana (PT-AC), Marta Suplicy (PMDB-SP) e Lídice da Mata (PSB-BA) entraram na lista do procurador.

Na Câmara, há Marco Maia (PT-RS), Andrés Sanchez (PT-SP), Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), José Carlos Aleluia (DEM-BA) e Paes Landim (PTB-PI).

Em relação ao número de governadores na lista, há cinco citados: Renan Filho (PMDB), de Alagoas, Luiz Fernando Pezão (PMDB), do Rio de Janeiro, Fernando Pimentel (PT), de Minas Gerais, Tião Viana (PT), do Acre, Beto Richa (PSDB), do Paraná.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*