22 de julho de 2014 10:47

Cresce desmatamento da Amazônia Legal em junho, diz ONG

Altamira e Itaituba (PA), Porto Velho (RO) e Lábrea (AM) foram os municípios que mais desmataram

Por Redação

Nessa segunda-feira (21), o Boletim do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) mostrou que em junho o desmatamento na floresta amazônica foi de 843 km², o que equivale a um aumento de 358% em relação ao mesmo período do ano passado.

A pesquisa, feita por meio do sistema Deter, detecta desmates em tempo real com a ajuda de satélites.

Segundo o levantamento, a maior parte do desmatamento ocorreu no Pará (464 km²), seguido de Amazonas (136 km²), Rondônia (126 km²), Mato Grosso (115 km²) e Acre (2 km²). Os grandes prejuízos aconteceram em áreas privadas, seguido de unidades de conservação e assentamentos de reforma agrária.

Altamira e Itaituba (PA), Porto Velho (RO) e Lábrea (AM) foram os municípios que mais desmataram.

Entre o período de agosto de 2013 e junho deste ano, meses que correspondem ao “calendário do desmatamento”, o índice de devastação na Amazônia Legal caiu 9%.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*