19 de agosto de 2014 13:20

Desembarques registram recorde histórico em 2014

Mais de cinco milhões de estrangeiros chegaram no Brasil

Por Denise Gircella

aeroporto

Com a realização da Copa do Mundo no Brasil, o número de desembarques nacionais e internacionais aumentou no país. No primeiro semestre deste ano 5.013.786 pessoas chegaram de voos internacionais, o que representa um acréscimo de 8,06% na movimentação, se comparado com o primeiro semestre de 2013 (4.639.934), configurando-se um recorde histórico nos desembarques pelo país.

Os desembarques domésticos também apresentaram aumento, com 45.239.579, o que indica um acréscimo de 7,04% se comparado com igual período do ano passado. Os dados são da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) e da Agência de Nacional de Aviação Civil (Anac). Eles consideram os desembarques de passageiros residentes e não residentes no Brasil.

Apenas no mês de junho, que marcou a abertura do Mundial, houve um crescimento de 20% nos desembarques internacionais, em relação a junho de 2013. Foram mais de 892 mil passageiros este ano. No ano passado, junho registrou 738 mil.

No entanto, o recorde histórico foi marcado em janeiro de 2014, com o desembarque internacional de 961.159 pessoas. O número ultrapassa a melhor marca histórica de janeiro de 2012, de 956.053. Tradicionalmente, dezembro e janeiro são os meses que apresentam a maior movimentação de estrangeiros no Brasil.

Em relação aos desembarques nacionais, ao contrário dos internacionais, o mês de junho apresenta uma queda de 1,64% devido a Copa. Foram 6.946.352 em junho deste ano contra 7.061.930 do mesmo período do ano passado. No semestre, no entanto, o montante cresceu. Foram 45.239.579 de passageiros circulando pelos aeroportos brasileiros.

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*