20 de agosto de 2014 11:19

Brasil é o país da América do Sul com maior número de empresas com ISO 9001

Empresas devem se preparar para as novas mudanças nos sistemas

Por Edvaldo Júnior

A ISO 9001 é uma norma que contém requisitos que, se cumpridos, aumentam a probabilidade de que processos produtivos e administrativos atinjam um padrão planejado de qualidade. Para receber a certificação é necessário passar por um processo com diversas fases, incluindo uma auditoria inicial de certificação e auditorias periódicas de manutenção. O Brasil possui mais de 25 mil certificações de qualidade. Em segundo lugar aparece a Colômbia com apenas 9.883.

A expectativa é de que a reforma da ISO 9001, que será publicada em 2015, contemple os seguintes temas: o alinhamento com as demais normas da família ISO, a gestão dos riscos ao invés de ação preventiva, a adequada utilização dos recursos financeiros pela organização, a ampliação dos objetivos da qualidade, o controle de fornecimentos externos baseado em riscos, entre outros.

A constante atualização é importante para manter a excelência da organização. Com 14 anos de experiência em assessoria, treinamento e auditorias, o Consultor de Gestão Certificado (CMC) e diretor da PM Analysis, Flávio Oliveira, destaca que o contrato de certificação é válido somente por três anos. “Após esse prazo é necessária uma nova auditoria completa e, caso sejam detectadas não conformidades graves e não tratadas, a empresa poderá perder a certificação ISO 9001”. Conforme a pesquisa realizada em 2012 pela ISO – Organização Internacional para Padronização – mais de 80 mil empresas no mundo já tiveram seus certificados cassados.

Para Oliveira a gestão de riscos se baseia no conhecimento e na prevenção dos eventos indesejados. “Muitas vezes os danos causados à imagem de uma organização são profundos demais para serem apagados, e não é incomum verificar que contratos são interrompidos pela má conduta de uma das partes”.

O especialista ainda ressalta que há diversos motivos para buscar a certificação da Gestão da Qualidade: “Entre os principais benefícios estão o aumento da probabilidade de entregar bons produtos, adequação às regras de alguns clientes, aumento da produtividade, redução de custos, oportunidades de novos negócios e a padronização”, finaliza.

Fonte: Time Comunicação

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*