14 de agosto de 2014 16:08

Dodge apresenta novo sedã Charger SRT Hellcat

Com 717 cv, o modelo pode atingir 328 km/h e acelerar de 0 a 100 km/h em 3,7 segundos

Por Edvaldo Júnior

A Dodge apresentou hoje na Vinsetta Garage, um dos pontos emblemáticos da histórica avenida Woodward, o novo Dodge Charger SRT Hellcat. O modelo será equipado com o motor HEMI® Hellcat V8 Supercharged compressor mecânico de 6,2 litros, que despeja 717 cv de potência e 89,8 kgfm de torque, fazendo dele o sedã de produção mais potente do mundo e o muscle car mais avançado e versátil dos Estados Unidos. “Durante os últimos oito anos, grande parte do êxito do Dodge Charger se baseou nas suas múltiplas personalidades. É um muscle car, é um sedã de alto desempenho e é também um sedã familiar, dependendo de como o cliente escolha configurar o carro”, afirma Tim Kuniskis, presidente e CEO das marcas Dodge e SRT.

Sobrealimentado por um compressor mecânico, o propulsor do Dodge Charger SRT Hellcat é o V8 mais potente da história do Grupo Chrysler, trabalhando em conjunto com o poderoso câmbio automático TorqueFlite, de oito marchas. Os números de desempenho são impressionantes: aceleração de 0 a 100 km/h em 3,7 segundos, 0 a 400 metros em 11 segundos, velocidade máxima de 328 km/h e a prova de 0-160-0 km/h em menos de 13 segundos. Há cinco modos de condução, para adaptar o comportamento do carro às preferências do motorista.

O novo Dodge Charger SRT Hellcat virá com duas chaves de série: uma vermelha e uma preta. A vermelha é a única que permite liberar todo o poderio do motor SRT Hellcat, enquanto a preta “segura” parte da potência. Com essa chave, o motor fica limitado a 4.000 rpm, entre outras restrições.

O novo desenho é inspirado no espírito lendário da segunda geração do Charger, em especial no modelo de 1969. Com plataforma de tração traseira e muita potência, o novo Dodge Charger representa o enfoque moderno de um muscle car clássico. E entre os vários detalhes exclusivos da versão SRT Hellcat está o capô de alumínio, que traz uma tomada de ar frio baseada na do primeiro Viper cupê, de 1996.

A mítica Woodward Avenue
O local para a apresentação do Dodge Charger SRT Hellcat não foi escolhido por acaso. Hoje uma conceituada lanchonete, a Vinsetta Garage foi por décadas uma renomada oficina na via mais famosa de Detroit, a avenida Woodward. Ela começa no centro da cidade, em frente ao rio Detroit, que a separa de Windsor, no Canadá, e se estende por mais de 34 km, chegando a outros municípios da área metropolitana. Também conhecida como M-1, a Woodward recebeu em 1909 o primeiro trecho de pavimento de concreto dos Estados Unidos.

A data também não poderia ser melhor. Neste sábado (16), será realizada a 20ª edição do Woodward Dream Cruise, um evento que celebra a enorme tradição automotiva da avenida e da região como um todo. Durante o próximo final de semana, mais de 1,5 milhão de pessoas estarão lá, a maioria para admirar das calçadas da avenida Woodward o desfile de mais de 40 mil carros de todos os tipos, de clássicos a superesportivos, passando por modelos personalizados, off-road e até militares. Criada em 1995, essa festa é o maior evento automotivo de um dia do mundo, revivendo os anos de glória da cultura do automóvel em Detroit.

Fonte: Ascom

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*